15 janeiro, 2008

Flagrante com direito a carteiro de testemunha

Registrei um flagrante. Sorte que estava com a câmera pra fazer os outros rirem da mesma forma que eu ri. Bom, lá vai.

Todo mundo sabe que parar o carro em uma vaga sem sombra, em pleno sol a pino, é uma atitude insana por parte do motorista. Normalmente isso acontece quando já se está rodando a mais de 10 min procurando uma vaga e para em qualquer uma que conseguir achar. Depois de estacionar, sair, fazer o que tem que fazer, vem a parte mais sofrida: entrar no carro e cozinhar feito um brócolis no vapor.

Por esse motivo as vagas com sombra são mais disputadas que vaga de medicina no vestibular. Com um agravante: ela é de quem chegar primeiro. Há casos de 5 motoristas gritarem "Aquela vaga é minha!" e 10 segundos depois termos uma bela escultura de ferro retorcido sobre a calçada.

Mas nada se compara a um cara que, por 1 metro de pura burrisse, ganhou uma multa(bem justa, por sinal). Analise a foto abaixo(clique para ampliar):




O indivíduo pára no meio da calçada só pra pegar a sombra da árvore. Chegam os guardinhas da Ciptran, descem, e aplicam a multa. Uma multa por pura preguiça de colocar o carro 1 metro a frente, no recuo de estacionamento da própria loja, liberando a calçada. Ficaram no lenga-lenga uns 10 min. Com direito até a "testemunha".



Até to imaginando o diálogo:

__ Então seu oficial, eu parei o carro aqui mas foi só por 5 min, enquanto eu ia pegar um documento la dentro!
__ É? Mas isso não justifica. Chama aquele carteiro ali...
__ Pois não?
__ O sr. passou por aqui antes? Sabe dizer se esse carro estava aqui?
__ Já deixei as cartas nesses 5 quarteiroes... quando passei faz uns 45min, o carro ja tava sim...


0 Comentários:

Postar um comentário

Comentários são sempre bem vindos. Desde que escritos de uma forma correta. Lembre-se que o seu direito acaba onde começa o de outro.